Image
Voltar ao topo
Exibir menu
9 de maio de 2014

Jukebox #4: Praia Noturna

Melodias carregadas de graves, batidas de hip hop e trap, perfeitas para ouvir olhando o vai e vem de pessoas, o movimento do mar e até as estrelas.

Jukebox #4 – Praia Noturna por Gui Moraes by Cultpopshow on Mixcloud

Chet Faker – Talk Is Cheap

Chet Faker

Uma das vozes mais potentes da atualidade, ficou famoso por suas parcerias e agora está lançando um álbum solo, da qual esta música é o primeiro single. É um dos meus “Please Come To Brazil”.

XXYYXX – About You

xxyyxx

O clipe dessa música é incrível, recomendo que assistam. O Marcel, cara por trás do XXYYXX, leva a música para um lado super experimental e indie, conseguindo algo autoral e de ótima qualidade. Nesta música, usa um sample de “End of Time”, da Beyoncé, deixando a música ainda mais gostosa de ouvir.

Bodhi – Imperfection

Bodhi

Talvez a música mais agitada da mixtape. Pode até ser que fuja um pouco do future garage, mas é bom para dar uma quebrada no clima.

Disclosure – I Love… That You Know

Disclosure

Duo que dispensa apresentações. A música não é do álbum debut dos meninos, podendo até ser considerada um lado b, por ser mais experimental do que o disco. Tão boa quanto as outras, é uma música perfeita para ouvir de fone, deitado na areia.

SBTRKT – Right Thing to Do

SBTRKT

Um dos caras mais maneiros da música eletrônica, também dispensa apresentações e também está na minha lista de “Please Come To Brazil” – quem sabe até no mesmo festival que Chet Faker. Fiquei na dúvida em qual música dele escolher, mas tinha certeza que ele estaria na mixtape, pela qualidade do som que produz. Um ponto a destacar são os vocais, que sempre combinam perfeitamente com as batidas da música.

James Blake – Unluck

James Blake

Fazendo parte da lista que jovens que se mostraram talentosos desde cedo, James Blake traz sua tranquilidade misturada com batidas desconstruídas e sua voz tão marcante quanto a de Chet Faker. Ao vivo a pegada é boa, mas nada como ouvir de fone com os olhos fechados.

Flume – Sleepless

Flume

Confesso que desta lista ele é um dos caras que mais sou fã – junto com Disclosure – e não consigo ouvir sem pirar. Ele eleva a música instrumental, que é constante em seu trabalho, para um outro nível, fazendo que ela combine tanto com uma apresentação ao vivo quanto com você ouvindo em casa.

AlunaGeorge – Your Drums, Your Love

AlunaGeorge

Além de emprestar sua voz para canções de outros músicos, Aluna também faz esse belo trabalho com George. O álbum mistura pop e eletrônico sem deixar de lado as batidas que são o ponto de ligação desta mixtape. Vale a pena ouvir o disco inteiro enquanto faz uma festinha com amigos.

Jamie xx – Sleep Sound

Jamie xx

Um dos integrantes do The xx que também possui carreira solo. A identidade do projeto muitas vezes se confunde com a da banda, mas ele consegue manter a linha divisória deixando ainda mais experimental. Confesso que não conheço muito a carreira solo dele mas o que já ouvi, mantém o bom nível do The xx.

Flume & Chet Faker – What About Us

Chet Faker e Flume

Não podia faltar uma música do EP “Lockjaw”, da parceria do Flume com Chet Faker. Dois australianos prodígios que estão participando da renovação do cenário da música eletrônica. Fanatismo a parte, a música é realmente boa e é uma ótima escolha pra fechar a mixtape, já que ouvir essa música a noite, na praia, é algo incrível pra alma.

/ Gostou deste post? Então experimente nossa newsletter semanal. Assine nossa newsletter.

/

Fotógrafo, jornalista e, em breve, publicitário. Nunca conheceu alguém que não gostasse de música, e espera não conhecer, já que é o que mais toma conta de seu dia. Afinal, qual a graça de ter um amigo que você não pode chegar e apresentar uma música que acabou de descobrir e está apaixonado? Acesse o site de Gui Moraes e seu Instagram.

/CultPopShow © 2008-2014. Todos os direitos reservados.   |   Agência WCK